Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro completa 125 anos

Escrito por Tassia Verissimo | Publicado: Quinta, 09 de Agosto de 2018, 15h22 | Última atualização em Quinta, 09 de Agosto de 2018, 17h02 | Acessos: 254

Nesta quarta-feira, 08 de agosto, foi realizada uma cerimônia na Câmara Municipal do Rio de Janeiro na qual o Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro recebeu através de sua Diretora, Beatriz Kushnir, a Medalha de Mérito Pedro Ernesto. A homenagem reconhece a importância para a cidade da trajetória e do trabalho realizado pela instituição em seus 125 anos . A Diretora do Arquivo Nacional, Carolina Chaves, esteve presente na cerimônia.

A origem do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro remonta à época da refundação da cidade, por Mem de Sá, no morro do Castelo em 1567, quando foi constituído o Arquivo da Câmara Municipal. Esse Arquivo tinha como finalidade guardar a documentação gerada e acumulada pela Câmara, que, obedecendo à legislação portuguesa, desempenhava tanto funções legislativas quanto executivas na administração da cidade do Rio de Janeiro.

No século XIX, após a instalação da Corte Portuguesa no Brasil, a Câmara Municipal passou a dividir suas atribuições com os intendentes gerais de Polícia. Essa mudança acarretou modificações na natureza e nas espécies documentais produzidas tanto pela Câmara quanto pela Intendência de Polícia. Contudo, toda a documentação continuou a ser guardada pelo Arquivo da Câmara.

Em 1825, foi inaugurado o primeiro Paço Municipal para sediar a Câmara Municipal, onde passou a funcionar, também, o seu Arquivo. Em 1882, foi inaugurado o segundo Paço Municipal onde se instalaram os vereadores e o arquivo da municipalidade.

No período republicano, a partir de 1892, o Arquivo da Câmara foi transferido para o âmbito do Poder Executivo Municipal, continuando a funcionar nas dependências do Paço, integrando uma das suas Diretorias. A partir do Decreto nº 44, de 5 de agosto de 1893, sua denominação foi alterada para Arquivo Geral da Prefeitura do Distrito Federal e, posteriormente, Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, em 1979. Atualmente ele é vinculado à Secretaria Municipal da Casa Civil.

O Arquivo Nacional parabeniza o Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro pelos seus 125 anos.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página